SOMOS TÃO JOVENS!!!

Foto-0301

eu diante do poster que ganhei no cinema.

Amigos, velhos amigos. Acabei de voltar do cinema com a Rose. Fomos curtir o filme “Somos tão jovens” e curtir é pouco. Estou aqui em casa com o poster que consegui no cinema, olhando e viajando no tempo, lembrando de todos nós quando éramos uns moleques sonhadores com os peitos cheios de medo, dúvida e conhaque. Noites enormes que passávamos curtindo rock e acima de tudo curtindo o fato de sermos e termos amigos. Quantos éramos? Depende da época, depende da festa e depende do motivo, mas claramente estávamos Wander Killer, André Baby Face e eu.

Fazíamos festa e vivíamos, aliás VIVÍAMOS, cercado de gente boa que tinha uma coisa boa de querer estar junto. Eu tinha mil paixões que não decolavam, escrevia poemas longos e sofridos, desisti do amor umas cem vezes mas sempre esqueci de combinar com a próxima paixão. Era acanhado e muito tonto, sem jeito mesmo. A escola era uma aventura também, com as nossas garrafinhas de bebida escondidas dentro dos armários, a fugida básica para ir ao Bar da Bocha “estudar” para a prova de matemática porque só dessa maneira eu conseguia uma nota um pouco maior.

Começamos a namorar (cada um com sua namorada). Depois eu fui embora para Cuiabá, o Killer para Maringá. Depois eu fui pra Bauru, voltei para Tupã, fui para Salvador e voltei para cá. Killer permaneceu em Maringá e se casou com a doce e doida Samira e Deus foi tão bom para ele que de brinde foi a Yasmin junto. André permaneceu aqui em Tupã e foi pai, casou, separou, casou e continua com a Márcia. Agora o Wander e a Samira terão uma filha chamada Sofia. Eu me formei em Letras e me casei com a Rose. Engravidamos e perdemos… mas uma hora a gente encontra.

Mas quero falar um pouco do filme. Thiago Mendonça surpreendeu no papel de Renato Russo. Não tinha gostado dele como o Luciano em “2 Filhos de Francisco” e achei uma pena a ponta que ele fez em “Tropa de Elite”, para quem não se tocou ainda ele era aquele estudante que leva uns tapas do Nascimento quando eles estão subindo no morro pela primeira vez e encontram os estudantes fumando na pracinha. “Quem financia essa porra é você seu viado de merda” e por aí vai. Tem horas em que a interpretação quase esbarra num certo ar caricatural mas ele logo compensa. A cena em que Renato escuta um k-7 com o tal punk e sai dançando daquela forma característica me transportou de vez. Ele canta e canta bem, caminha com maestria em alguns pontos. Esbarram em algumas interpretações que não são tão boas, como o do cara que fez o Fê. Laila Zaid encanta no papel de Aninha que é uma colagem de figuras femininas que realmente fizeram parte da vida do cantor. Dá saudade das amigas que tinha e a sensação é esta mesmo SAUDADE PURA de ser aquele menino que eu era. Não que minha vida seja ruim ou que eu seja triste, mas aquilo me marcou muito. A história é bem costurada, as cenas bem feitas e a trilha sonora muito boa. Adorei, por exemplo, as versões de Faroeste Caboclo, Ainda é Cedo e outras tocadas com violoncelo. Lindo demais.

Legião Urbana era de uma geração anterior e foram meus primos Marcos  e Eduardo Duran que me mostraram o som deles pela primeira vez, lá nos idos de 89, (eles também me apresentaram ao som do IRA!) e é claro que aquelas letras e aquela voz tiveram um impacto enorme em mim e naquela solidão sem sentido que eu sentia. Ainda hoje ouço essas músicas e me recordo das histórias em que vivi com estes amigos que ainda tenho e só não os vejo mais com tanta frequência.

Ao meu lado estava a Rose, minha querida companheira, minha amiga e esposa. Choramos, rimos e fomos tocados. Quando Renato Russo morreu ele tinha 36 anos, eu tenho 35 anos e sei que ainda sou tão jovem. Um beijo para todos os que sentem falta e um beijo para o Renato sempre. Afinal FORÇA SEMPRE, SEMPRE EM FRENTE!  URBANA LEGIO OMNIA VINCI.

Foto-0299

Rose posando diante do poster que eu ganhei.

37907_1547812337676_6971122_n

eu, Wander e André sentados no Bar Santos rememorando a vida, quase 20 anos de amizade e irmandade.

Anúncios

Sobre Jim Duran

Professor, escritor, ator. Já foi chamado de Caminhante Noturno, já teve seus dramas e risos, lágrimas e desespero.
Esse post foi publicado em Tudo junto. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para SOMOS TÃO JOVENS!!!

  1. Rose disse:

    au amei vida!!! é tantas lembranças boas nê te amo…adorei o filme

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s